Noah: Federer lotaria um estádio de 80 mil pessoas na Davis

Capitão da França tenta mobilizar nomes importantes do tênis para impedir mudanças no torneio

Atual capitão da França na Copa Davis, Yannick Noah, é mais um grande nome a se levantar contra as mudanças no formato da Copa Davis, que será votado em agosto deste ano para entrar em vigor em 2019.

“Tentarei convencer outros capitães a mandarem mensagens para pessoas que eu sei que ainda estão no jogo. Nunca pensei que fossemos terminar numa situação dessas, mas é injusto. Imaginem se um jogador do Manchester United, que ganha 500 mil euros por semana decide não jogar o Mundial de Clubes e a FIFA determina: ‘Agora temos de mudar a fórmula’? É exatamente a mesma coisa”, protestou.

“Quando o Rafa jogou em Valência, o estádio estava cheio. Se amanhã o Federer jogar na Suíça, num estádio com 80 mil pessoas, vai estar esgotado”, declarou o capitão da atual campeã da competição.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário