Djokovic diz ser contra relógio em quadra que será adotado no US Open

Novidade nos torneio do verão americano, relógio vai marcar os 25 segundos entre um ponto e outro

Na quarta-feira foi anunciado no site da ATP que os torneios do verão americano, incluindo o US Open, vão adotar o relógio em quadra marcando os 25 segundos entre um ponto e outro, mas Novak Djokovic, ex-número 1 do mundo, disse ser contrário à novidade.

"É bom ter o relógio para o aquecimento, mas é um pouco estressante que os juízes parem para te lembrar. Não gosto do relógio sobre o saque no US Open e vão colocar sem consultar os jogadores, isso não é bonito", reclamou o sérvio, 21º do mundo.

Antes de pensar no US Open, Djokovic se concentra para disputar a semifinal de Wimbledon. Nesta sexta-feira, ele entra em quadra na sagrada grama de Londres para enfrentar o espanhol Rafael Nadal.

Do outro lado da chave, a vaga na final será decidida entre o americano John Isner e o sul-americano Kevin Anderson.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário