Eduardo Gambier

Estudante de Jornalismo apaixonado por artes marciais, começou a cobrir esportes de combate aos 16 anos de idade, tendo entrevistado grandes lendas do esporte, como José Aldo, Maurício Shogun, Demian Maia e Rafael Cordeiro. Já atuou como comentarista em eventos do MMA Internacional, como o ONE FC e PFL. Nesta coluna fará análises de forma imparcial sobre os maiores eventos e lutadores do mundo da luta.

Nocaute

Israel Adesanya: O próximo duplo campeão?

Por Eduardo Gambier 09/11/2020 • 11:29 - Atualizado em 09/11/2020 • 11:56
Israel Adesanya pode se tornar dono de cinturões de duas categorias diferentes
Israel Adesanya pode se tornar dono de cinturões de duas categorias diferentes
Reprodução/Instagram Israel Adesanya

As famosas superlutas são extremamente difíceis de acontecer, mas são eventos que deixam o público mais eufórico do que normalmente no cenário atual. No UFC, alguns encontros entre campeões poderiam ter virado realidade. Quem é fã de carteirinha já deve ter imaginado confrontos entre Cain Velásquez x Jon Jones, José Aldo x Anthony Pettis, ou até mesmo Anderson Silva x Georges St. Pierre.

No MMA, as estrelas não costumam se alinhar, raramente dois campeões no melhor momento e com a hegemonia consolidada se encontram, no entanto, as tradições vêm se rompendo com o passar do tempo. Quando Conor McGregor decidiu não defender o cinturão do peso pena e subir de categoria para buscar o segundo reinado diante de Eddie Alvarez, ninguém havia realizado tal feito de forma simultânea. A partir do sucesso do irlandês, três campeões duplos surgiram em seguida, são os casos de Daniel Comier, Henry Cejudo e Amanda Nunes. Considerados como azarões dos seus respectivos combates, os três chocaram o mundo e conquistaram tal feito que elevou o legado de cada atleta.

O nome da vez é Israel Adesanya, conhecido também como The Last Stylebender.  O nigeriano foi o atleta que precisou do menor tempo para conquistar o cinturão do UFC. Foram pouco mais de um ano para vencer Kevin Gastelaum no UFC 236 e vestir o cinturão interino do peso médio. Adesanya possui personalidade única, é carismático e consegue atrair um público muito amplo. Dentro do octógono é fenomenal. Com estilo de luta dinâmico e performances de ouro, venceu os grandes desafios da categoria, além de ser invicto na carreira, algo que chama o público médio.

O atual cenário da categoria até 83,9kg se encontra em um verdadeiro mato sem cachorro. Robert Whittaker, que deveria ser o próximo da fila, perdeu há pouco tempo para o nigeriano e já vimos o que aconteceu quando se chocaram, além de não ter mostrado interesse de encontrar o campeão em um futuro próximo.

Quem soube aproveitar da situação foi Dana White, uma das pessoas mais inteligentes do mundo da luta. O plano do chefão é simples, ele pretende unir o Stylebender (sua última aparição contra Borrachinha vendeu cerca de 700 mil pacotes PPV no mundo) com o campeão menos badalado, Jan Blachowicz. A ideia é ter um combate entre campeões e dar tempo para as duas categorias andarem. O único empecilho é Glover Teixeira. O brasileiro venceu Thiago Marreta no último final de semana e carimbou o título de próximo desafiante.

Na técnica, Adesanya é melhor e favorito. É mais rápido e dinâmico na luta em pé, com bons low kicks e jabs. Além de ágil, também se comporta muito bem defensivamente, permitindo que o adversário mantenha distância e paciente para finalizar a luta. Apesar das qualidades do nigeriano, subestimar o polonês seria prepotência demais. Jan tem como destaque seu poder de nocaute e deverá estar 8 quilos mais pesado no dia do evento.

O chefão Dana além de inteligente é ardiloso, pretende explorar o atrito que Jon Jones possui com o atual campeão dos pesos médios. Com a saída de Khabib Nurmagomedov, provavelmente seria o combate mais rentável a se fazer no curto médio prazo.

Em entrevista, Jon Jones afirmou que subirá para a categoria mais pesada do UFC, porém, se existe alguém que pode atrapalhar os planos do norte-americano, esse alguém se chama Israel Adesanya com o cinturão da categoria meio-pesado.

  • eduardo-gambier
  • Israel Adesanya
  • MMA
  • luta