Eduardo Tironi

Jornalista há 28 anos, a maioria deles dedicados ao esporte, cobriu as Copas do Mundo de 1998 (França), pelo Notícias Populares, e 2006 (Alemanha) pelo Diário Lance!, onde foi editor-executivo. Sete anos como comentarista e editor-executivo na ESPN Brasil, tendo participado da cobertura da Copa do Brasil (2014) e da Olimpíada do Rio-2016 pelo canal.

Papo com Tironi

Há vida sem Neymar na Seleção?

Por Eduardo Tironi 17/11/2021 • 10:53
Com dores na coxa esquerda, Neymar desfalcou a seleção diante da Argentina
Com dores na coxa esquerda, Neymar desfalcou a seleção diante da Argentina
Divulgação/CBF/Lucas Figueiredo

Sem Neymar e com um time com vários jovens, o Brasil empatou com a Argentina por 0 a 0 em San Juan. O placar refletiu um jogo brigado, mas no qual o time de Tite encarou de frente seu principal rival do continente, que estava completo e empurrado por 25 mil torcedores presentes no estádio.

Chega a ser um delírio dizer que a seleção é melhor sem Neymar, que é o principal jogador brasileiro dos últimos dez anos pelo menos. Mas não é absurdo dizer que ao menos nesta terça-feira o Brasil mostrou um jogo coletivo mais interessante do que quando o astro está em campo.

É uma questão para Tite resolver até a Copa do Mundo daqui a um ano: como fazer da seleção seja um time menos dependente de seu principal jogador. Comandado pelo mesmo treinador brasileiro há seis anos, ele nunca foi este atleta menos centralizador. Há tempo para isso, principalmente pelo fato de o time estar ganhando opções, como alguns dos jovens que atuaram contra a Argentina.

VAR
O VAR é assunto no Brasil desde o começo da temporada. Mas, ao que parece, o problema da arbitragem rompe fronteiras na América do Sul. A não expulsão de Otamendi depois de uma cotovelada clara e violenta em Raphinha foi um absurdo. A culpa não é da máquina, mas de quem operou o sistema e não alertou o árbitro de campo. Aí mora a grande questão: o VAR foi "vendido" como o fim de qualquer injustiça no futebol. Na vida real, em muitos casos ele apenas deixa o erro com um verniz tecnológico.

  • eduardo-tironi
  • neymar
  • seleção brasileira
  • futebol
  • app