Lucas Lima afirma ter recusado sondagens para ficar no Palmeiras

Meia diz que tomou a decisão de permanecer para conseguir se firmar na equipe e conquistar um título

O meia Lucas Lima, do Palmeiras, revelou nesta sexta-feira ter recusado nos últimos meses sondagens para jogar fora do Brasil para querer continuar na equipe. Contratado para o início desta temporada, o jogador explicou em entrevista coletiva na Academia de Futebol que tomou a decisão de permanecer para conseguir se firmar na equipe e conquistar um título.

"Meu foco é aqui, em ser campeão, em fazer história aqui. O futebol é dinâmico, nunca se sabe o que vai acontecer, mas hoje particularmente quero ser feliz aqui. Tive até algumas sondagens no meio do ano, mas minha cabeça está totalmente aqui", disse Lucas Lima. O meia começou a crescer de produção com a chegada do técnico Luiz Felipe Scolari, apesar de não ser escalado como titular em todas as partidas.

Lucas Lima contou que as principais sondagens vieram de times da Europa e da China. As oportunidades começaram a chegar quando ele estava em fim de contrato com o Santos, no fim do ano passado, e antes mesmo de se apresentar ao Palmeiras. "Saí livre do Santos e poderia ir para qualquer lugar, poderia ir para a Europa ou para China ganhar muito dinheiro, mas preferi o desafio de vir para cá. Acho que se você for campeão aqui, muitas portas podem se abrir", disse.

O meia comentou ter o interesse de retornar a ser convocado pela seleção brasileira e no futuro repensar a possibilidade de jogar no futebol europeu. Por enquanto, ele garante estar focado no Palmeiras, principalmente por considerar que a vinda de Felipão o ajudou. "Acho que o Felipão faz a bola passar mais por mim. Quando estou em campo, ele sempre pede para os companheiros estarem me procurando, para a bola sempre chegar", explicou.

Nesta sexta, o Palmeiras fez um treino fechado na Academia de Futebol para montagem do time que no domingo enfrenta o Bahia, em Salvador, pelo Campeonato Brasileiro. A tendência é Lucas Lima ser titular de uma equipe que vai poupar os principais jogadores, pois na próxima quinta-feira tem compromisso pela Copa Libertadores contra o Colo-Colo, no Chile.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário