Nova bola do Australian Open causa polêmica entre tenistas

Tenista Bernard Tomic fez várias críticas e classificou a mudança como terrível

Depois de muitos anos unidos a Wilson, o Australian Open terá nesta nova edição bolas Dunlop. Apesar do evento destacar que a escolha foi bem pensada e feita da maior qualidade do torneio, algumas criticas surgiram, como a de Bernard Tomic.

"Não sei o que se pretendeu fazer com essa mudança, mas o resultado é terrível. Creio que nem sequer se podem qualificar como uma bola de tênis. Dá a sensação que quiseram cortar custos porque essa bola não encaixa em nada do que se exige", declarou o australiano.

As bolas estão sendo usadas nas exibições de Adelaide e no Kooyong, em Melbourne, além do quali do torneio iniciado nesta terça-feira e no pré-quali. "Estamos impressionados com o resultado obtido pela Dunlop depois de muitos meses de trabalho conjunto. Muitos jogadores provaram e estão satisfeitos", disse o diretor do evento, Craig Tiley.

"Estamos muito acostumados em jogar com a Wilson e o que nos está sendo feito é um pouco raro. Há uma ligeira variação do ritmo e uma propensão que a bola morra e perda efeitos rapidamente", apontou Kimberly Birrell, que venceu o pré-quali feminino.

Porém, a australiana Ashleigh Barty elogiou as bolas: "Não vejo muito diferente das anteriores, tem um bom ritmo, na verdade eu gostei".

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário