Após semi em Bogotá, Bia Haddad sobe 41 posições e se aproxima do Top 100 da WTA

Ranking feminino do tênis continua sendo liderado pela japonesa Naomi Osaka

Por ter conseguido avançar às semifinais do Torneio de Bogotá na semana passada, Beatriz Haddad Maia comemorou expressiva ascensão no ranking feminino do tênis. Em lista atualizada nesta segunda-feira pela WTA, a brasileira saltou 41 posições e assumiu o 124º lugar, ficando mais perto de ingressar no Top 100 da modalidade.

Bia agora está a apenas 144 pontos da russa Svetlana Kuznetsova, que fecha o grupo das cem primeiras colocadas, depois de ter iniciado esta temporada como a 184ª tenista do mundo. Em setembro de 2017, no melhor ranking de sua carreira até hoje, ela chegou a ocupar a 58ª posição.

A jogadora de 22 anos avançou à segunda rodada do Aberto da Austrália, Grand Slam realizado em Melbourne, em janeiro, e nesta temporada de saibro do calendário espera poder ingressar na chave principal de Roland Garros, em Paris. Pela sua posição atual na listagem da WTA, ela teria de jogar o qualificatório para entrar no Grand Slam francês.

O ranking feminino do tênis continua sendo liderado pela japonesa Naomi Osaka, com 5.967 pontos, enquanto a romena Simona Halep segue na segunda colocação, com 5782. A chega Petra Kvitova, com 5.645, sustenta o terceiro posto.

Só houve, por sinal, uma alteração no grupo das 20 primeiras nesta segunda-feira. A alemã Julia Goerges, que na semana passada figurava em 18º lugar, subiu para o 17º e ultrapassou a belga Elise Mertens, que ficou logo atrás dela no ranking.

MASCULINO - O ranking da ATP, que também voltou a ser atualizado nesta segunda-feira, não trouxe nenhuma mudança de postos entre os 20 primeiros colocados. O sérvio Novak Djokovic se mantém absoluto na liderança, com 11.070 pontos, enquanto o espanhol Rafael Nadal é o segundo colocado, com 8.725. O alemão Alexander Zverev, o suíço Roger Federer e o austríaco Dominic Thiem completam, nesta ordem, o Top 5.

Entre os brasileiros, Thiago Monteiro, atual número 1 do País, caiu três posições e agora figura em 114º lugar. Outro único integrante do Brasil no Top 200, Rogério Dutra Silva desceu três postos e ficou em 160º no geral. Abaixo dos seus compatriotas na listagem, Thomaz Bellucci saltou da 226ª para o 223ª colocação, enquanto Guilherme Clezar subiu da 245ª para a 244ª.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário