Márcio Santos revela fake news que ajudou o São Paulo ser campeão

Zagueiro campeão mundial com a Seleção Brasileira em 94 conta como motivou jogadores do São Paulo na final do Paulistão e 98

Você sabia que uma fake news ajudou o São Paulo a ser Campeão Paulista em 1998? É o que o ex-zagueiro Márcio Santos, Campeão do Mundo com a Seleção Brasileira e capitão daquele São Paulo, revelou durante entrevista exclusiva para o programa Os Donos da Bola desta sexta-feira, 22.

Márcio Santos explicou que o São Paulo estava em uma fase em que o foco era revelar novos talentos, mas que precisava de jogadores mais experientes para conquistar títulos e por isso ele foi contratado, assim como ex-meia e agora técnico Silas.

“O São Paulo por ser um time jovem, sempre deixava a desejar nas finais. A competição inteira era a atração do campeonato, mas nas finais pecava pela inexperiência. Nesse jogo em 98, também pecou pela inexperiência no primeiro jogo da decisão. Nós chegamos com a vantagem do empate na final e o Corinthians reverteu para o segundo jogo, nós tínhamos que vencer para sermos campeões”, contou Márcio.

E como animar os jogadores do São Paulo e fazer com que eles revertessem o resultado do primeiro jogo? A solução encontrada por Márcio Santos foi inventar uma história para os jogadores.

“Tem um fato que as pessoas não sabem o que aconteceu. Eu era o capitão na época e estava preocupado, daqui a pouco mais um título estava escapando. Nós perdemos o primeiro jogo da decisão e o Corinthians tinha grandes chances de ser campeão, eu tinha que mexer com o brio do pessoal. Aí me deu um estalo antes do aquecimento e eu reuni os jogadores, quem participou do grupo deve lembrar disso aí. Mas assim, joguei o verde e acabei colhendo maduro. Aí eu chamei o pessoal no aquecimento eu falei assim - ‘pessoal, preciso falar uma coisa com vocês’ - o pessoal não entendeu nada e perguntou o que aconteceu. Falei – ‘vocês viram o que aconteceu agora no saguão do Morumbi? (...) Os conselheiros do Corinthians desceram do ônibus agora, passaram no saguão com a faixa no peito já, de campeão paulista, e os jogadores também desceram fazendo samba’” - revelou Márcio Santos.

E como todos puderam ver, deu certo. Segundo Márcio Santos, os jogadores não queriam mais nem aquecer e sim ir para o jogo.

“Eles não queriam nem aquecer. Aí vocês viram o que aconteceu no jogo, deu 10 minutos e o Corinthians não tinha nem passado do meio de campo”, contou o ex-zagueiro tricolor.

Compartilhar

Ler a notÍcia completa

Deixe seu comentário