Notícias

Adriano defende Simone Biles: “Passei por isso e até hoje sou questionado”

Da Redação BandSports 28/07/2021 • 21:04 - Atualizado em 29/07/2021 • 05:34
Ex-jogador da seleção brasileira precisou enfrentar críticas durante toda a carreira
Ex-jogador da seleção brasileira precisou enfrentar críticas durante toda a carreira
Reprodução/Instagram Adriano Imperador

Nos Jogos Olímpicos de 2020, Simone Biles foi mais uma vítima da pressão incontrolável sobre os atletas de alto rendimento. Após sofrer uma chuva de comentários negativos pelo abandono das finais por equipes e individual geral em Tóquio, a ginasta norte-americana recebeu apoio de quem já passou pela mesma situação: Adriano Imperador. 

“Simone Biles... sei exatamente o que está passando e não deixe as pessoas te crucificarem. Seja feliz e cuide de sua cabeça. Passei por isso e até hoje sou questionado. Que Deus perdoe essas pessoas ruins”, escreveu o ex-jogador. 

Talento raro no futebol, o ex-atacante da Seleção Brasileira foi muitas vezes criticado por suas escolhas fora de campo e teve de enfrentar a depressão durante sua vitoriosa carreira. Em situação parecida, Biles chegou a desabafar dizendo que “sente que carrega todo o peso do mundo nos ombros”

Além de Adriano, outras lendas do esporte demonstraram apoio à ginasta. Após Ronda Rousey, lenda do MMA e medalha de bronze em Pequim-2008, bater de frente com os críticos da atleta, foi a vez de o maior atleta olímpico de todos os tempos, o ex-nadador Michael Phelps, dono de 28 medalhas olímpicas e hoje comentarista esportivo, se solidarizar com a ginasta.

“Somos seres humanos, ninguém é perfeito. Está tudo bem passar por altos e baixos emocionais. Senti como se estivesse carregando, como Simone disse, o peso do mundo em meus ombros. É uma situação difícil. Espero que seja uma oportunidade para fazer o tema saúde mental ser ainda mais discutido”, afirmou o multicampeão.

  • adriano imperador
  • simone biles
  • phelps
  • app
  • esportes
  • olimpíada