Notícias

Brasil mostra reação e empata com a Holanda em jogaço de 6 gols na Olimpíada de Tóquio

Da Redação Bandsports 24/07/2021 • 10:03 - Atualizado em 24/07/2021 • 10:24
Marta balançou a rede em cobrança de pênalti neste sábado
Marta balançou a rede em cobrança de pênalti neste sábado
Sam Robles/CBF

A seleção feminina do Brasil empatou por 3 a 3 com a Holanda em um grande jogo pela segunda rodada dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Com transmissão do Bandsports, as comandadas de Pia Sundhage ficaram atrás do placar duas vezes e buscaram a virada, mas um golaço de falta impediu a vitória sobre as atuais vice-campeãs do mundo.

O primeiro gol do jogo no estádio de Miyagi saiu logo aos 2 minutos. Miedema girou bonito pra cima de Érika e bateu sem chances para a goleira Bárbara.

Apesar do susto, o Brasil reagiu rápido e teve um pênalti assinalado aos 6 minutos, mas a árbitra foi chamada para rever o lance no VAR e cancelou a marcação. A seleção seguiu na pressão e o empate saiu aos 15 com Debinha, que tentou duas vezes até para balançar a rede.

O jogo foi ainda mais movimentado na volta do intervalo. Aos 13 minutos, Miedema confirmou a fama de artilheira e cabeceou para recolocar as holandesas na frente com direito a falha de Bárbara.

Pouco tempo depois, aos 18, Ludmila sofreu pênalti que Marta cobrou com precisão para deixar tudo igual novamente. O Brasil aproveitou o embalo e chegou à virada aos 22. Ligada no jogo após sair do banco, Ludmila aproveitou recuou errado de Nouwen e se antecipou à goleira para fazer 3 a 2.

Quando a vitória parecia caminhar para as mãos do Brasil, o talento de Janssen fez a diferença. Com uma cobrança de falta perfeita, a camisa 17 decretou o empate por 3 a 3.

As duas seleções chegaram a quatro pontos e dividem a ponta do Grupo F, com as holandesas em vantagem pelo saldo de gols. O Brasil encerra a primeira fase na terça-feira, contra a Zâmbia, às 8h30. Já a Holanda enfrenta a China.

  • brasil
  • holanda
  • futebol feminino
  • tóquio-2020
  • olimpíadas
  • app