Notícias

Com permissão especial, Djokovic anuncia presença no Australian Open

Da Redação Bandsports 04/01/2022 • 08:33 - Atualizado em 04/01/2022 • 09:47
Sérvio anunciou viagem para Austrália nas redes sociais
Sérvio anunciou viagem para Austrália nas redes sociais
Instagram/Novak Djokovic

Acabou o mistério sobre a participação de Novak Djokovic no Australian Open. Na madrugada desta terça-feira, 4, o número 1 do mundo anunciou que recebeu uma permissão especial do governo australiano para entrar no país sem a vacinação completa obrigatória contra a covid-19.

“Passei um ótimo tempo ao lado de minha família e meus entes queridos durante as férias e hoje estou indo para a Austrália com uma permissão especial”, escreveu o sérvio nas redes sociais.

O tenista de 34 anos nunca revelou ter se imunizado contra o novo coronavírus e adotou uma postura antivacina desde o início da pandemia. Ele contraiu a doença em junho do ano passado, quando realizou um polêmico torneio de exibição em Belgrado enquanto o calendário da ATP estava paralisado.

A organização do torneio disse que o pedido de exceção de Djokovic foi rigorosamente analisado por dois grupos médicos da Austrália. De acordo com o comunicado, eles avaliaram todos os pontos para ver se a exceção atendia às diretrizes do Grupo Australiano de Imunização.

Maior campeão do torneio em Melbourne, Djokovic vai em busca do 10º troféu e pode se isolar no topo da lista de vencedores de Grand Slams. Ele divide a liderança com Roger Federer e Rafael Nadal, cada um com 20 taças.