Notícias

Verstappen pode ser campeão da F1 na Arábia Saudita; veja como

Da Redação BandSports 22/11/2021 • 16:50 - Atualizado em 23/11/2021 • 13:59
Verstappen pode levantar o troféu de campeão do mundo de maneira antecipada
Verstappen pode levantar o troféu de campeão do mundo de maneira antecipada
Reprodução/F1.com

Mesmo com as grandes atuações de Lewis Hamilton, da Mercedes, nos GPs de São Paulo e do Catar, Max Verstappen segue liderando o campeonato de Fórmula 1 e pode se consagrar campeão mundial já na penúltima etapa da temporada, na Arábia Saudita. 

A duas rodadas para o término da temporada, o holandês da Red Bull é o líder da classificação com 351,5 pontos e tem oito a mais que o heptacampeão, que soma 343,5. Com 26 pontos em jogo por etapa – 25 pela vitória e um pelo bônus de volta mais rápida – entenda as combinações de resultados que podem garantir o título antecipado para o piloto de 24 anos.

Com vitória no GP da Arábia Saudita:
Se vencer a prova e conquistar o ponto extra pela volta mais rápida, Verstappen chegará aos 377,5 e terá de torcer para Hamilton terminar a corrida no máximo na sexta colocação, ficando com 351,5.

Agora, se não conseguir o bônus pela volta mais rápida, o holandês tem de esperar que o britânico cruze a linha de chegada no máximo em sétimo.

Apesar de a combinação ser complicada, ela não é impossível. No GP de Mônaco deste ano, o piloto da Red Bull venceu a prova e o heptacampeão mundial foi justamente o sétimo colocado, fazendo a volta mais rápida no famoso circuito de rua. Ou seja, se o cenário do Principado se repetir, Verstappen será campeão com antecedência, pois, mesmo que não complete o GP de Abu Dhabi e Hamilton vença com a volta mais rápida, eles terminariam o campeonato empatados em 376,5 pontos, mas o holandês teria dez vitórias contra 8 do britânico, levando vantagem no critério de desempate.

Com a segunda colocação no GP da Arábia Saudita:
Caso o holandês cruze a linha de chegada em segundo, com direito à volta mais rápida, ele fica com 370,5 pontos e precisa que Hamilton não passe da décima colocação, somando apenas 344,5 ao término da etapa, se quiser levantar o troféu em Jeddah.

Se ficar sem o bônus da melhor volta, no entanto, Verstappen terá de torcer para um cenário improvável: Hamilton sair da Arábia Saudita sem pontuar. Em 20 corridas no ano, isso só aconteceu duas vezes, contudo, o piloto da RBR também ficou sem pontuar em ambas ocasiões. 

No Azerbaijão, Verstappen abandonou após estouro de pneu de seu carro quando liderava a prova, a bandeira vermelha foi acionada e a corrida, interrompida para que a Red Bull do holandês fosse retirada da pista. Sem a presença do rival, Hamilton cometeu um erro na relargada e escapou do traçado, terminando apenas em 15º lugar. 

Já em um dos momentos mais marcantes da temporada, os concorrentes se chocaram no GP da Itália e precisaram abandonar a corrida em Monza. 

Com chances de o campeonato ser decidido de maneira antecipada, o fim de semana do GP da Arábia Saudita acontece entre os dias 3 e 5 de dezembro e conta com cobertura completa do Bandsports.