Notícias

F1: Ferrari confirma troca de motor e Carlos Sainz vai largar do fundo do grid na Turquia

Da Redação BandSports 07/10/2021 • 08:52
Espanhol vai receber o novo sistema híbrido da escuderia de Maranello
Espanhol vai receber o novo sistema híbrido da escuderia de Maranello
Reprodução/Instagram Ferrari

Carlos Sainz será punido e precisará começar o Grande Prêmio da Turquia de Fórmula 1 do fundo do grid após a Ferrari confirmar, na quarta-feira, 6, a quarta troca na unidade de potência do espanhol no ano. O carro do piloto de 27 anos vai receber o novo sistema híbrido da escuderia, o mesmo modelo que foi estreado por Charles Leclerc no GP da Rússia. 

Na briga com a McLaren pelo terceiro lugar no mundial de construtores, a equipe de Maranello destacou a importância de Sainz pontuar no Istambul Park. Na temporada, ele tem três pódios e 112,5 pontos conquistados, 8,5 a mais que Leclerc, seu companheiro de time. 

“Como foi o caso de Charles Leclerc na Rússia, na Turquia Carlos Sainz terá uma nova unidade de potência completamente equipada com o novo sistema híbrido. Portanto, ele vai começar da parte de trás do grid com o objetivo de escalar posições e tentar marcar alguns pontos”, comunicou a Ferrari.

Na corrida disputada em Sochi, Leclerc viu outros pilotos optarem pela troca e largou na penúltima colocação, à frente de Max Verstappen, da Red Bull. Apesar da grande prova, o monegasco foi atrapalhado pela chuva que caiu durante as últimas voltas e foi apenas o 15º piloto a receber a bandeira quadriculada. 

Com a expectativa para a prova de recuperação de Sainz, as atividades da Fórmula 1 em Istambul começam nesta sexta-feira, 8, às 5h20 (horário de Brasília). Os treinos livres e classificatório terão cobertura completa do Bandsports. A Band mostra a corrida, no domingo, 10.

  • carlos sainz
  • ferrari
  • gp da turquia
  • app
  • fórmula 1
  • f1
  • esportes