Notícias

F1: George Russell é confirmado como novo piloto da Mercedes

Da Redação Bandsports 07/09/2021 • 07:26 - Atualizado em 07/09/2021 • 08:54
A partir de 2022, Russel substitui Bottas e será o novo companheiro de Hamilton
A partir de 2022, Russel substitui Bottas e será o novo companheiro de Hamilton
Twitter/Fórmula 1

Após a saída de Valtteri Bottas rumo à Alfa Romeo, a Mercedes confirmou os rumores e anunciou, na manhã desta terça-feira, 7, George Russell como seu novo piloto a partir da próxima temporada da Fórmula 1. A escuderia alemã não informou por quantos anos exatamente assinou com o piloto, mas disse se tratar de contrato de longo prazo.

“Olhando para 2022, estamos muito felizes em confirmar que George terá a oportunidade de dar o próximo passo em sua carreira e ingressar na Mercedes. Ele foi um vencedor em todas as categorias do automobilismo, e as últimas três temporadas com a Williams nos deram uma amostra do que o futuro pode reservar para ele na F1. Agora, é nosso desafio ajudá-lo a continuar aprendendo e ao lado de Lewis [Hamilton], o maior piloto de F1 de todos os tempos”, afirmou Toto Wolff, chefe da equipe. 

“Estou confiante de que, à medida que seu relacionamento crescer, eles formarão uma equipe forte e entregarão os resultados para a Mercedes dentro e fora da pista nos próximos anos. É um peso tirado de nossos ombros ter os planos para 2022 claros e anunciados, mas agora nosso foco retorna às últimas nove corridas desta temporada e a dar tudo em nosso desafio para o campeonato mundial deste ano ”, emendou o dirigente.

Sonho realizado
Antes do GP da Holanda, no último fim de semana, Russell confirmou que já sabia onde correria na próxima temporada, mas não podia revelar a informação que todos já davam como certa. A partir desta terça, ele já não precisa mais fazer segredo.

“É oficial. No próximo ano, serei um piloto da Mercedes. Este é um dia especial para mim e quero agradecer imensamente à Williams e à Mercedes, e todos que me apoiaram para chegar onde estou hoje. Eu não poderia ter feito isso sem cada um de vocês”, celebrou o piloto.

Na principal categoria do automobilismo desde 2019, o britânico de 23 anos chega à Mercedes cercado de expectativas após brilhar pela limitada Williams. Na atual temporada, ele já conquistou o segundo lugar no polêmico GP da Bélgica e terminou na zona de pontuação na Hungria, além de participar do Q3 em diversas classificações.

Além das corridas pela Williams, Russell também já viveu um fim de semana como piloto da Mercedes. No GP do Sakhir de 2020, ele substituiu Lewis Hamilton, que havia contraído covid-19, e chegou a liderar parte da prova, mas foi atrapalhado por um erro da equipe durante parada nos boxes e terminou em nono lugar.

Agora, ele terá a sonhada missão de acompanhar Hamilton na equipe comandada por Wolff e, quem sabe, fazer frente ao heptacampeão mundial.

  • mercedes
  • russell
  • app
  • automobilismo
  • fórmula 1
  • mercedes
  • hamilton