Notícias

F1: Haas confirma permanência de Schumacher e Mazepin para 2022

Da Redação BandSports 23/09/2021 • 09:44 - Atualizado em 23/09/2021 • 12:48
Pilotos da escuderia norte-americana ainda não pontuaram na Fórmula 1
Pilotos da escuderia norte-americana ainda não pontuaram na Fórmula 1
Reprodução/Instagram Haas

A Haas confirmou na manhã desta quinta-feira, 23, a permanência de Mick Schumacher e Nikita Mazepin para a temporada de 2022 da Fórmula 1. Apesar do anúncio da continuidade da dupla já ser esperado, a escuderia norte-americana convive com uma relação conturbada entre o alemão e o russo

Recém-chegados à principal categoria do automobilismo, os jovens pilotos de 22 anos ainda não pontuaram no campeonato mundial e seguem se desentendendo publicamente enquanto brigam corrida a corrida para escapar da última colocação. Em 14 provas realizadas na temporada, Mick levou a melhor na disputa interna em 12 oportunidades, contra apenas duas de Mazepin.

Um dos responsáveis por mediar os conflitos da dupla, Guenther Steiner, chefe da equipe, destacou o projeto do time para o próximo ano e exaltou o processo de aprendizado dos pilotos. Na atual temporada, a Haas optou por não fazer “loucuras” no desenvolvimento de seu carro, visando ter mais investimentos para 2022.

“Sabíamos que queríamos continuidade em 2022 e estou feliz em confirmar isso com Mick Schumacher e Nikita Mazepin competindo pela Haas no ano que vem. 2021 proporcionou aos dois pilotos a chance de aprender a Fórmula 1 e, como estreantes, eles fizeram muito isso neste ano. Está sendo uma temporada difícil com o pacote que temos, mas, ao mesmo tempo, os dois abraçaram o desafio e trabalharam com a equipe para aprender nossos processos e se adaptar aos rigores de uma temporada de F1, tanto interna como externamente. Agora estamos confiantes de que podemos seguir em frente como equipe e dar a Mick e Nikita um pacote competitivo para o próximo ano”, afirmou o mandachuva.

Atual campeão da Fórmula 2 e filho do ídolo Michael Schumacher, Mick mencionou a importância da experiência adquirida em 2021 e mostrou ambição para lutar por pontos no próximo ano.

“Ao fazer parte da F1, estou vivendo um sonho. O primeiro ano com a Haas está sendo muito emocionante e instrutivo, e tenho certeza de que levarei experiências para 2022. Novos regulamentos técnicos, a impressionante ambição de toda a equipe e o apoio da Ferrari, acredito que tudo isso vai nos deixar mais próximos do grid e poderemos lutar por pontos”, falou o alemão.

Com um discurso um pouco mais discreto, Mazepin se disse animado para seguir na F1 e pontuou a oportunidade de crescer junto à equipe. 

"Estou muito animado para o próximo ano, para o novo carro e simplesmente para ter a oportunidade de crescer junto com a Haas F1 Team. Acho que estaremos fortes no próximo ano”, concluiu o russo.

Com o grid da F1 quase completo para 2022 – faltando apenas o anúncio do companheiro de Valtteri Bottas na Alfa Romeo – os pilotos voltam à pista para o GP da Rússia. A partir desta sexta-feira, 24, às 5h20 (horário de Brasília), o Bandsports exibe ao vivo os treinos livres e classificatório da etapa da F1 disputada em Sochi. A Band mostra a corrida, no domingo, 26.