Notícias

F1: Pérez comemora momento da Red Bull, mas espera conversa interna com a equipe

Da Redação BandSports 24/05/2022 • 11:48
Mexicano ficou com a segunda colocação em Barcelona
Mexicano ficou com a segunda colocação em Barcelona
Instagram/Sergio Pérez

Sergio Pérez celebrou o grande momento da Red Bull após a dobradinha liderada por Max Verstappen no Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1, mas admitiu um tanto de decepção por não ter sido o primeiro piloto a receber a bandeira quadriculada em Barcelona. 

Em entrevista ao término das 66 voltas, o mexicano explicou as diferentes estratégias usados pela equipe com ele e com o holandês e revelou que esperava ter recuperado a liderança da prova após ter facilitado a ultrapassagem do companheiro.

“Acho que sim [poderia ter vencido a corrida]. Especialmente no início, quando dei a posição para Max, pensando que ia recuperá-la mais tarde. Mas depois trocamos estratégias, ele foi para três [paradas], e eu, duas”, disse o dono do carro número 11.

“É difícil de digerir, mas acontece que três paradas foi uma estratégia melhor e acho que tive duas muito otimizadas também”, continuou Checo.

No fim das costas, Pérez completou a prova com tranquilidade na segunda colocação, mas com 13s de desvantagem para Verstappen. A diferença se deu por ele também ter feito uma terceira parada na 53ª volta, garantindo o ponto extra pela volta mais rápida do dia.

O desempenho da dupla levou a escuderia austríaca à ponta do mundial de construtores. Eles agora somam 195 pontos, 26 a mais que a Ferrari, que sofreu com o abandono de Charles Leclerc no domingo, 22, e tem 169.

Mesmo sem a vitória, a situação do time no mundial alegra Pérez. “Foi um pouco frustrante do meu lado, mas, no final do dia, um grande resultado da equipe. Agora estamos liderando construtores, então isso é algo que me deixa muito satisfeito.” 

Para evitar que alguns desentendimentos futuros possam atrapalhar o ambiente da equipe, o mexicano contou que planeja uma conversa interna para entender os acontecimentos na Espanha.

“Há algumas coisas que vamos discutir internamente, apenas para entender o que aconteceu, como quando você está pilotando, não entende muito do quadro geral. Então, acho que é apenas uma coisa normal. O momento da equipe não poderia ser melhor. Então, é uma grande equipe. Estamos muito unidos e só temos que discutir algumas coisas internamente, é isso”, completou.

Em busca de sua primeira vitória na temporada, Pérez volta à ação a partir de sexta-feira, 27, para as emoções do Grande Prêmio de Mônaco. Os treinos livres e classificatório contam com cobertura completa do Bandsports.