Notícias

Doohan garante pole da corrida principal da Fórmula 3 na Rússia; Piastri faz o melhor tempo da F2

Da Redação BandSports 24/09/2021 • 08:55 - Atualizado em 24/09/2021 • 11:04
Etapa da Rússia definirá o campeão da temporada da Fórmula 3
Etapa da Rússia definirá o campeão da temporada da Fórmula 3
Reprodução/Twitter F3

Candidato ao título da Fórmula 3, Jack Doohan é o dono da última pole position da temporada. Na manhã desta sexta-feira, 23, o piloto da Trident cravou 1min54s514 em sua melhor volta e assegurou a posição de honra da corrida principal da etapa da Rússia. 

Na primeira fileira do grid, o australiano terá a companhia de seu companheiro de equipe, Clément Novalak, que registrou, 1min54s648. De início, o francês havia sido declarado pole, no entanto, a organização fez uma revisão dos tempos e alterou as posições.

Líder do campeonato com 193 pontos, 39 a mais que Doohan, que tem 154, Dennis Hauger, da Prema Racing, marcou 1min54s826 e vai largar da nona posição.

Único brasileiro da categoria, Caio Collet ficou com o oitavo melhor tempo da atividade. O piloto da MP Motorsport fez sua volta em 1min54s772.

Pelo regulamento da categoria, esta ordem de grid serve apenas para a corrida principal, no domingo, 26. A prova 1, que sofreu uma mudança de horário por causa da chuva e será realizada ainda nesta sexta-feira, 24, às 11h25 (horário de Brasília), acontece com o sistema de grid invertido, ou seja, o 12º colocado desta sessão larga na frente e vice-versa. Com a alteração, o francês Victor Martin, da MP Motorsport, que fez 1min54s959, terá a ponta da primeira prova. A F3 tem cobertura completa do Bandsports.

Fórmula 2

Também na manhã desta sexta-feira, 24, os pilotos da principal categoria de acesso à F1 entraram em ação. Líder do campeonato, Oscar Piastri ficou com a pole position da corrida principal da F2 em Sochi. O piloto da Prema Racing cravou 1min47s465 para assegurar a ponta do grid de largada. 

Vice-líder e um dos candidatos para assumir a vaga ao lado de Valtteri Bottas na Alfa Romeo, Guanyu Zhou, da UNI-Virtuosi, marcou 1min47s994 e sairá da quarta posição. 

Entre os brasileiros, Felipe Drugovich registrou o melhor tempo da sessão, mas não passou da 13ª colocação. O piloto da UNI-Virtuosi fez 1min48s286.

Guilherme Samaia, da Charouz, foi o 19ª piloto mais rápido. Ele marcou 1min49s226. Seu companheiro de equipe e compatriota, Enzo Fittipaldi, não conseguiu repetir a boa atuação que teve em sua estreia, em Monza, e ficou apenas com a penúltima colocação, marcando 1min49s465.

Os pilotos da F2 voltam à ação neste sábado, 25, a partir de 4h15 (horário de Brasília), para a corrida 1 da etapa russa, que terá o sistema de grid invertido. As atividades da categoria contam com cobertura completa do Bandsports.