Notícias

“Foi estressante, foi intenso”, diz Tsitsipas, sem esconder a emoção por ir à final de RG

Da Redação BandSports 12/06/2021 • 10:08 - Atualizado em 12/06/2021 • 10:09
“Vim de um lugar pequeno, era meu sonho jogar aqui”, falou o grego
“Vim de um lugar pequeno, era meu sonho jogar aqui”, falou o grego
Reprodução/Instagram Stefanos Tsitsipas

A primeira classificação para uma final de Grand Slam vai ficar para sempre na memória de Stefanos Tsitsipas. Com apenas 22 anos, o grego natural da pequena cidade de Vouliagmeni, a poucos quilômetros de Atenas, não conteve o choro após uma batalha de cinco sets contra Alexander Zverev e relembrou a trajetória até a decisão de Roland Garros.

“Eu só consigo pensar nas minhas origens, de onde eu vim. Eu vim de um lugar muito pequeno, fora de Atenas. Meu sonho era jogar aqui um dia... Jogar no maior palco do Aberto da França. Nunca pensei que conseguiria”, falou Tsitsipas sem esconder a emoção.

Depois de abrir 2 sets a 0 e colocar um pé na final do torneio, o número 5 do mundo passou por um instante irreconhecível e deixou o adversário alemão impor o jogo e igualar as parciais. Mas, em um momento digno da mitologia de seu país, ele precisou salvar três break points logo no primeiro game do quinto set e conquistou a torcida presente na lendária quadra Philippe Chatrier, em Paris. Era o que faltava para colocar um ponto final no confronto.  

“Foi estressante, foi intenso. O game mais importante foi o primeiro do quinto set. Eu me recuperei, fiquei vivo. Tinha uma multidão comigo, eles estavam me aplaudindo, me dando energia”, continuou.

Com uma carreira ainda curta, mas repleta de várias conquistas e dos mais distintos sentimentos, ele destacou o triunfo contra Zverev como o mais importante de sua trajetória.  

“Eu sentia que havia esperança, havia oportunidade para fazer alguma coisa. Meu único trabalho era ir lá e lutar, e foi isso que eu fiz. Passei por muitas fases de emoção, mas esta vitória significa muito para mim. É a mais importante da minha carreira, até aqui”, encerrou.

Para entrar de vez na história do tênis, Tsitsipas vai enfrentar Novak Djokovic na decisão deste domingo, 13, às 10h, com transmissão ao vivo do Bandsports.

  • tsitsipas
  • app
  • tênis
  • roland garros
  • grand slam
  • zverev
  • sefiminal