Notícias

Fernanda Garay se despede da seleção: “Espero ter deixado uma boa lembrança”

Da Redação BandSports 08/08/2021 • 04:44 - Atualizado em 08/08/2021 • 05:01
Atleta vai fazer uma pausa na carreira para se dedicar ao sonho de ser mãe
Atleta vai fazer uma pausa na carreira para se dedicar ao sonho de ser mãe
Reprodução/Instagram Fernanda Garay

A derrota para os Estados Unidos na decisão dos Jogos Olímpicos de Tóquio marcou a despedida de Fernanda Garay da seleção brasileira de voleibol. Aos 35 anos, a vitoriosa ponteira está prestes a se afastar das quadras para se dedicar à família e realizar o sonho de ser mãe. 

Com a conquista da medalha de prata no Japão, a atleta conversou com o repórter Thiago Kansler, do Bandsports, e falou sobre os anos de dedicação ao grupo brasileiro. Entre tantos títulos em seu currículo, ela tem o ouro em Londres-2012.

“Passa um filme na cabeça. Eu participo da seleção brasileira adulta desde 2006, mas, em campeonatos de expressão, comecei aqui no Japão, no mundial de 2010. São 11 anos de fato, fazendo o melhor possível. Espero ter deixado uma boa lembrança, uma boa memória na cabeça dos torcedores, meus apoiadores, familiares... Foi uma longa jornada”, falou, direto de Tóquio. 

Apesar da dor da derrota por 3 sets a 0 para a equipe norte-americana, Garay demonstrou orgulho do time comandado por José Roberto Guimarães e reconheceu a superioridade das novas campeãs olímpicas.

“A gente acreditava muito que podia conquistar o ouro. Me sinto orgulhosa dessa equipe, que entregou seu máximo em quadra. Não é segredo para ninguém que, particularmente, eu tinha um desejo a mais de acabar hoje com uma vitória. Mas esporte é assim mesmo. As coisas não acontecem exatamente como a gente quer. Elas foram melhores e estão de parabéns. Estou feliz e orgulhosa de tudo que a gente fez”, encerrou.

Sempre muito presente no quadro de medalhas brasileiro, desta vez o vôlei contou apenas com o pódio da equipe feminina. Os grupos de praia e masculino decepcionaram e ficaram pelo caminho em Tóquio. 

Veja a entrevista da atleta:

  • fernanda garay
  • vôlei
  • tóquio
  • olimpíada
  • app
  • esportes
  • brasil