Notícias

Jogos de Tóquio: brasileiros do judô conhecem adversários na busca pelo ouro

Da Redação BandSports 22/07/2021 • 15:40 - Atualizado em 22/07/2021 • 15:41
Disputas do judô começam nesta sexta-feira, 23, com transmissão do Bandsports
Disputas do judô começam nesta sexta-feira, 23, com transmissão do Bandsports
Divulgação/Gaspar Nóbrega/COB

Com três medalhas conquistadas na última edição dos Jogos Olímpicos, os judocas brasileiros já sabem o que terão pela frente em Tóquio-2020. A Federação Internacional de Judô sorteou nesta quinta-feira, 22, as chaves das 14 categorias presentes na disputa em território japonês.

Bronze na Rio-2016 e estrela do Brasil na modalidade, Mayra Aguiar, da categoria até 78kg recebeu bye – equivalente a uma “folga” – na  primeira rodada e aguarda a vencedora do encontro entre Munkhtsetseg Otgon, da Mongólia, e Inbal Lanir, de Israel. 

Outro nome forte do país em Tóquio, Rafael Silva, o “Baby”, também estará em espera na primeira rodada da categoria acima de 100kg e ficará de olho no confronto entre Ushangi Kokauri, do Azerbaijão, e Mathias Sarnacki, da Polônia.

Para fechar o grupo dos brasileiros que não entrarão no tatame na rodada inaugural, Maria Suelen Altheman, mais de 78kg, estará atenta ao encontro entre a eslovena Anamari Velensek e a norte-americana Nina Cutro-Kelly, de onde sairá sua primeira rival.

Quem tem compromisso marcado na primeira rodada é a porta-bandeira do Time Brasil. Na categoria de 64kg, Ketleyn Quadros vai estrear diante da hondurenha Cergia David.

No regulamento da competição, o caminho não é dos mais simples. Para avançar ao bloco final de disputas – repescagem, semifinal, bronze e final – os atletas precisam chegar, pelo menos, até às quartas. Quem vencer, está classificado às semifinais e quem perder vai para a repescagem pelo bronze. Quem tiver sucesso na repescagem luta por um dos bronzes da categoria – são dois por categoria. A briga pelo bronze será contra os eliminados na semifinal. 

As lutas do judô começam na sexta-feira, 23, às 23h (horário de Brasília), com os pesos ligeiros. Os Jogos Olímpicos de Tóquio contam com cobertura completa do Bandsports

Veja os confrontos dos brasileiros: 

48kg - Gabriela Chibana x Harriet Bonface (Malawi)

52kg - Larissa Pimenta x Agata Perenc (Polônia) 

63kg - Ketleyn Quadros x Cergia David (Honduras)

70kg - Maria Portela x Nigara Shaheen (Time de Refugiados)

78kg - Mayra Aguiar (Bye) - Espera vencedora de Munkhtsetseg Otgon (Mongólia) x Inbal Lanir (Israel)

+78kg - Maria Suelen Altheman (Bye) - Espera vencedora de Anamari Velensek (Eslovênia) x Nina Cutro-Kelly (EUA)

60kg - Eric Takabatake x Soukphaxay Sithisane (Laos)

66kg - Daniel Cargnin x Mohamed Abdelmawgoud (Egito)

73kg - Eduardo Barbosa x Guillaume Chaine (França)

81kg - Eduardo Yudy x Sagi Muki (Israel)

90kg - Rafael Macedo x Islam Bozbayev (Cazaquistão)

100kg - Rafael Buzacarini x Toma Nikiforov (Bélgica)

+100kg - Rafael Silva Baby (Bye) - Espera o vencedor de Ushangi Kokauri (Azerbaijão) x Mathias Sarnacki (Polônia)

Na competição entre equipes, o Brasil é cabeça de chave 3, atrás de Japão e França. O país estará de bye na primeira rodada, aguardando o vencedor de Holanda e Uzbequistão. 

  • judô
  • mayra aguiar
  • Ketleyn
  • tokyo
  • tóquio 2020
  • app
  • esportes