Notícias

Mercedes diz que Red Bull tentou “manchar integridade de Lewis Hamilton”

Da Redação BandSports 29/07/2021 • 21:01
Pilotos travam uma batalha intensa pela liderança do mundial de F1
Pilotos travam uma batalha intensa pela liderança do mundial de F1
Reprodução/Instagram Mercedes

A batalha pela liderança do mundial de Fórmula 1 promete mais um capítulo acalorado no GP da Hungria. Após o polêmico acidente entre Max Verstappen e Lewis Hamilton em Silverstone, a Red Bull solicitou que a FIA revisasse a punição de 10s dada ao piloto britânico, que conseguiu tirar a desvantagem e sair vitorioso da prova na Inglaterra

Apesar do esforço, o pedido da equipe austríaca foi negado nesta quinta-feira, 29, e a Mercedes prontamente saiu em defesa de Hamilton, chegando a mencionar uma tentativa de “manchar a integridade” de seu piloto.

“A equipe Mercedes-AMG Petronas F1 aceita a decisão dos comissários de rejeitar o direito de revisão da Red Bull Racing. Além de encerrar esse incidente, esperamos que essa decisão também marque o fim das tentativas da alta cúpula da Red Bull de manchar o nome e integridade de Lewis Hamilton, até mesmo através de documentos utilizados na tentativa falha de revisão”, comunicou.

Enquanto os dirigentes seguem travando uma guerra nos bastidores da F1, os pilotos disputam ponto a ponto a liderança do campeonato mundial. Com a ponta da tabela em risco, Verstappen chega ao circuito Hungaroring com 185 pontos na classificação geral, oito a mais que Hamilton, que tem 177.

De volta ao formato tradicional de qualificação, os treinos livres e classificatório do GP da Hungria começam a partir das 6h20 (horário de Brasília), desta sexta-feira, 30. A Band exibe a corrida, no domingo, às 10h.

Veja o comunicado:

  • hamilton
  • verstappen
  • mercedes
  • red bull
  • app
  • f1
  • automobilismo