Notícias

Mercedes fala em "ajustar" Russell para evitar que conflito Hamilton x Rosberg se repita no ano que vem

Da Redação Bandsports 19/09/2021 • 12:15 - Atualizado em 19/09/2021 • 13:40
George Russel e Lewis Hamilton serão companheiros de time a partir de 2022
George Russel e Lewis Hamilton serão companheiros de time a partir de 2022
Divulgação/Fórmula 1

A parceria entre Lewis Hamilton e George Russell ainda nem começou de fato e mesmo assim não deixa de ser assunto nos paddocks da Fórmula 1, criando expectativa para o que pode vir a ser um verdadeiro duelo de gerações dentro da Mercedes a partir do ano que vem.

Escaldado pela experiência de anos atrás – quando a rivalidade entre Hamilton e seu então companheiro de equipe Nico Rosberg atingiu níveis insuportáveis, entre 2014 e 2016, causando acidentes entre eles na pista –, Toto Wolff, chefe da Mercedes, está disposto a fazer de tudo para evitar que tal cenário se repita com a transferência de Russell, que já declarou que chega à escuderia alemã em pé de igualdade com o heptacampeão

“Ele [Russell] já provou que merece ter um assento em um carro de ponta e agora precisamos adaptá-lo adequadamente à situação da Mercedes ... há muito mais pressão, ele vai ter um incrível companheiro de time, com os maiores recordes, então, é importante condicioná-lo e ajustá-lo de maneira correta”, declarou Wolff.

“Já vimos situações no passado em que eles falharam; Lewis fez parte de uma que o time não entendeu como poderia acabar. Acredito que estejamos mais bem preparados para esta situação agora. De qualquer maneira, ele [Russell] tem toda a ambição de se tornar um futuro campeão mundial, assim como Lewis de somar mais um [título], então, se trata de ajustes”, emendou o dirigente.

De qualquer maneira, Wolff não pretende cercear a ambição de Russel de conquistar títulos com a Mercedes, mas sempre se certificando de que a relação entre o piloto de 23 anos e Hamilton seja amigável.

“Acredito que você tem de respeitar também o ponto de vista e a ambição do outro piloto. Não vamos colocar alguém no carro que não tenha a ambição de fazer o melhor possível para superar seu companheiro de equipe, vencer corridas e campeonatos. E isso está claro”, disse Toto.

“Então, eu consigo me colocar no lugar dele, e estou conversando com ele sobre o que isso significa para a dinâmica do time, o que poderia significar, e como precisamos manter o ímpeto da equipe. Ele é muito inteligente, e entende isso.”

Com a grande mudança de regulamento para 2022, Wolff ainda falou sobre a expectativa da Mercedes para a próxima temporada. “Acho que ficaríamos satisfeitos se estivéssemos entre os três primeiros em termos de pacote de carros, competindo por vitórias.”

Depois de uma semana de intervalo, a Fórmula 1 volta à ação no próximo fim de semana para o GP da Rússia. A partir de sexta-feira, 24, o Bandsports exibe ao vivo os treinos livres e classificatório da etapa disputada em Sochi. A Band transmite a corrida, no domingo, 26.

  • hamilton
  • russell
  • mercedes
  • automobilismo
  • app
  • f1
  • fórmula 1