Notícias

Messi pode receber até R$ 682 milhões se ficar três anos no PSG, diz jornal

Da Redação Bandsports 18/09/2021 • 14:57 - Atualizado em 18/09/2021 • 17:15
Atacante argentino assinou com o Paris Saint-Germain por duas temporadas
Atacante argentino assinou com o Paris Saint-Germain por duas temporadas
Reprodução/Instagram PSG

Transferência mais comentada da temporada, a ida de Lionel Messi para o Paris Saint-Germain já vale uma fortuna ao craque argentino e pode render muito mais, com os valores chegando a 110 milhões de euros livres de impostos (cerca de R$ 682 milhões) caso ele permaneça por três anos no clube da capital francesa, segundo o jornal L’Equipe. 

O contrato de Messi com o PSG tem validade de dois anos e prevê a opção de renovação por mais uma temporada, o que renderia ao jogador um “bônus de fidelidade” no valor de 20 milhões de euros (algo em torno de R$ 124 milhões), que seriam divididos em duas parcelas iguais pagas ao final da segunda e terceira temporada. 

Pelo acordo atual de dois anos, Leo vai receber a quantia de 30 milhões de euro (R$ 186 milhões) por temporada, livres de impostos. O valor é semelhante ao que ganha Neymar, que renovou com o clube até 2025. Porém, segundo o L’Equipe, o atacante brasileiro terá seus ganhos reduzidos até o fim de seu contrato com o PSG. 

Ainda segundo o jornal francês, parte dos vencimentos de Messi, cerca de 1 milhão dos 2,5 milhões de euros que ele recebe por mês será paga em PSG Fans Tokens, criptomoeda do clube lançada em 2018. 

Mesmo com valores semelhantes aos que o argentino receberia se tivesse permanecido no Barcelona – desconsiderando premiações por conquistas coletivas e individuais durante este período –, seu contrato com o PSG está longe de atingir os 555,2 milhões de euros (que na época correspondiam a mais de R$ 3,6 bilhões) que a equipe catalã pagou em quatro anos, 2017 até 2021, para Messi.