Notícias

“Não tinha como alcançar os carros da frente”, avalia Hamilton, 4º lugar na Áustria

Da Redação BandSports 04/07/2021 • 13:54 - Atualizado em 04/07/2021 • 14:57
Heptacampeão sofreu com problemas no carro no GP da Áustria
Heptacampeão sofreu com problemas no carro no GP da Áustria
Reprodução/Instagram Mercedes

A conquista do oitavo título mundial de Fórmula 1 está cada vez mais distante para Lewis Hamilton nesta temporada. Além de ver mais uma vitória de Max Verstappen, da Red Bull, neste domingo, 4, o piloto da Mercedes não passou da quarta colocação no GP da Áustria, e ficou pela terceira vez no ano fora do pódio. 

Após assumir a segunda posição logo no começo da prova , o heptacampeão mundial sofreu com problemas na traseira de seu W12 e não conseguiu segurar os ataques de seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas, e de Lando Norris, da McLaren.

“Já havia dito antes da corrida que seria muito difícil bater Max. Mas obviamente é frustrante perder tanto downforce na traseira do carro e não conseguir manter o segundo lugar. Então, perdi vários pontos hoje”, lamentou. 

Apesar de saber que Verstappen vive boa fase e não é um alvo fácil, o britânico entende que teria conseguido somar mais pontos, se não fosse o problema inesperado. 

“Teria sido segundo colocado. Eu estava em segundo quando acabou quebrando de repente. Teria sido um segundo lugar fácil. Mas obviamente não tinha como alcançar os carros da frente”, continuou.

Com mais essa derrota na batalha pessoal contra o holandês da RBR, Hamilton continua na vice-liderança do mundial de pilotos da F1, no entanto, mesmo subindo para 150 pontos, a diferença para Verstappen aumentou para 32. 

“Estamos milhas atrás deles. Então temos muito trabalho pela frente. Precisamos de todos dando o melhor, e sei que estão fazendo isso. Eles trouxeram várias atualizações nas últimas corridas, e nós não tivemos nenhuma”, finalizou.

Para recuperar o tempo perdido, o heptacampeão mundial tem compromisso marcado em seu país. A partir da sexta-feira, 16, o Bandsports exibe ao vivo os treinos livres e classificatório do GP da Grã-Bretanha. A Band mostra a corrida.