Notícias

"Todo mundo no Liverpool queria o Real", admite Salah

Da Redação Bandsports 06/05/2022 • 15:42
Salah chega a sua terceira final com a camisa dos Reds
Salah chega a sua terceira final com a camisa dos Reds
Instagram/ Liverpool

Depois de eliminar o Villarreal,  garantir vaga na decisão da Liga dos Campeões e ver o Real Madrid superar o Manchester City de maneira heroica, o atacante Mohamed Salah falou sobre a empolgação do Liverpool de poder reeditar a final de 2018, que terminou com a vitória dos merengues por 3 a 1.

"Se você perguntar a qualquer um [no Liverpool], todos queriam esse jogo", afirmou Salah em entrevista à Sky Sports . "Não sei por que não podemos falar sobre isso, mas posso dizer abertamente isso - eu queria esse jogo! Queria jogar contra o Real Madrid”, falou o egípcio.

"Claro que não estou dando muito crédito a eles. Eles são uma equipe inacreditável, com um grande treinador, grandes jogadores. Quando me perguntaram quem eu queria, eu disse Madrid. É uma resposta fácil", acrescentou o jogador.

Salah - que saiu chorando de campo após sofrer uma lesão no ombro durante a decisão de 2018 depois de uma entrada forte de Sergio Ramos - relembrou o drama vivido em Kiev, mas ressaltou que a dolorida derrota foi o que lhe deu forças para poder voltar e conquistar o torneio europeu com os Reds na temporada seguinte.

"Você se sente tão decepcionado, tão para baixo", lembrou Salah. "E você pensa ‘ah, vamos lá, não neste jogo’. Mas uma vez que você tem tempo, isso faz você esquecer.”

"Tive que voltar ao trabalho e depois tivemos uma folga em um feriado. Nesse feriado eu apenas me perguntei ‘o que você quer? Ficar chorando por isso? Ou você apenas revida?' E eu lutei para voltar da melhor forma possível e é por isso que estamos aqui agora”, continuou.

Artilheiro da Premier League, o camisa 11 do Liverpool disse estar pronto para enfrentar os maiores campeões da história da Champions, mas ressaltou que fará de tudo para que o resultado em Paris seja diferente de 2018.

"Perdi da última vez, marquei 40 gols, mas não ganhamos nenhum troféu", falou Salah. "Desta vez, meu número é muito alto e já ganhamos uma taça. Se ganharmos as próximas duas [Champions e Premier League], será emocionante para todos nós.”

"Enquanto isso, temos que nos concentrar nas coisas principais, que é o troféu para o time, depois o resto virá. Esta é a minha melhor temporada com a camisa do Liverpool. Os números de gols e assistências são os mais altos da Premier League. Ou seja, tudo ao redor do nosso jogo mudou [em relação à final de 2018]”, concluiu.

Liverpool e Real Madrid entram em campo para decidir a Liga dos Campeões pela terceira vez na história no dia 28 de maio, no Stade de France, em Paris.