Notícias

Taekwondo: Icaro Miguel é eliminado na estreia em Tóquio; Milena perde luta pelo bronze

Da Redação BandSports 25/07/2021 • 23:57 - Atualizado em 26/07/2021 • 08:51
Combate foi encerrado pelo árbitro após brasileiro levar chute no rosto
Combate foi encerrado pelo árbitro após brasileiro levar chute no rosto
Divulgação/Gaspar Nóbrega/COB

Um dos grandes nomes do taekwondo nos Jogos de Tóquio-2020, Ícaro Miguel foi derrotado por Alessio Simone, da Itália, na noite deste domingo, 25. Nas oitavas de final da categoria até 80kg, o mineiro se despediu da competição após sofrer um forte chute no rosto e o árbitro interromper o combate. 

Com transmissão do Bandsports, o lutador brasileiro começou pior e o rival abriu 8 a 0 no primeiro assalto. No segundo, o italiano aumentou a vantagem para 16 a 3. No início do terceiro e último round, com o placar marcando 22 a 3, Icaro levou um golpe potente no rosto e precisou de atendimento médico. Com o sangramento, o confronto foi encerrado. 

Também representando o Brasil na modalidade, Milena Titoneli ficou muito perto da medalha de bronze. Ela começou sua participação olímpica na categoria até 67kg com vitória sobre Julyana Al-Sadeq, da Jordânia. Na fase quartas de final, no entanto, a lutadora de 22 anos foi derrotada pela croata Matea Jelic e foi para a repescagem depois que a adversária avançou à final.

Titoneli voltou a lutar contra Lauren Lee, do Haiti, e venceu com tranquilidade por 26 a 5, garantindo o direito de lutar pelo bronze. Na disputa pela medalha, ela enfrentou a marfinense Ruth Gbagbi, bronze nos Jogos Rio-2016 e campeã mundial em 2017, e perdeu a vaga no pódio por 12 a 8.

  • icaro miguel
  • taekwondo
  • luta
  • esportes
  • olimpíada
  • tóquio
  • app