Notícias

Tóquio entra em nova fase de emergência por causa da covid

Da Redação BandSports 23/04/2021 • 14:00 - Atualizado em 23/04/2021 • 14:53
Primeiro-ministro japonês afirmou que a Olimpíada não corre risco
Primeiro-ministro japonês afirmou que a Olimpíada não corre risco
Divulgação/Tokyo2020

A realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio segue com clima de muitas incertezas. Nesta sexta-feira, 23, data que marca uma contagem regressiva de apenas três meses para a Cerimônia de Abertura, o governo anunciou que a capital japonesa e outras cidades do país entravam em mais uma fase de emergência por causa da pandemia da covid-19.

O Japão passa pela quarta onda de infecções causadas pelo novo coronavírus. Apesar disso, o primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, garantiu que a Olimpíada não será afetada por esta medida, que deve durar entre duas e três semanas.

“Não acredito que vá afetar a Olimpíada. Como governo, pretendemos dar tudo de nós para garantir a segurança e a saúde durante os Jogos”, afirmou Suga.

Presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach apoiou a decisão do governo local. O dirigente destacou que não vê relação entre as medidas mais restritivas e os Jogos.

“O governo japonês quer evitar uma disparada de casos, e o COI apoia isso. Mas os preparativos estão em andamento, e estamos operando em velocidade máxima para entregar a melhor Olimpíada”, ressaltou Bach.

“Este [estado de emergência] está absolutamente de acordo com a política geral do governo, mas não está relacionado aos Jogos Olímpicos”, concluiu o dirigente.

Desde o dia 15 de abril, o Japão vem registrando um aumento significativo no número de casos de covid-19. Nas últimas 24 horas, foram 5.526 novas infecções em todo território japonês, sendo 861 somente em Tóquio.

Adiada em um ano por causa da pandemia, a Olimpíada de Tóquio está marcada para acontecer entre os dias 23 de julho e 8 de agosto e deve ter a participação de mais de 11 mil atletas.

  • tóquio2020
  • app
  • olimpíadas
  • covid19
  • jogos olímpicos