Notícias

"Minha cabeça está voltada para repetir os ótimos saltos que fiz nos treinos", diz Thiago Braz sobre final em Tóquio

Da Redação BandSports 31/07/2021 • 02:26 - Atualizado em 31/07/2021 • 12:30
Brasileiro não terá vida fácil na decisão do salto com vara
Brasileiro não terá vida fácil na decisão do salto com vara
Reprodução/Instagram Time Brasil

O desafio é difícil, mas não impossível. Com o badalado Armand Duplantis, da Suécia, e o velho conhecido francês Renaud Lavillenie pelo caminho, o atual campeão olímpico Thiago Braz busca fazer história nos Jogos de Tóquio e adicionar mais uma medalha dourada do salto com vara em seu currículo.

Ao entrar em ação para começar a defesa de seu posto de campeão, o brasileiro mostrou certo nervosismo e não conseguiu ultrapassar os 5.50m em seu primeiro salto na classificatória. Com o decorrer da atividade, no entanto, ele superou a marca e subiu o sarrafo para 5.75m, altura que garantiu sua vaga na decisão.

“A qualificação é sempre nervosa, mas acabou dando tudo certo. Na final, espero fazer um ótimo salto”, analisou o atleta de 27 anos.

Para escrever seu nome mais uma vez na história do esporte olímpico, Braz volta ao Estádio Olímpico de Tóquio na próxima terça-feira, 3, às 7h20 (horário de Brasília). Diferentemente de sua emocionante vitória no Rio de Janeiro, em 2016, o paulista desta vez não terá presença dos torcedores como combustível. Apesar disso, o clima de final estará no Japão.

“Tudo depende do início de prova, de sentir o ambiente e aquela sensação da final, fora ajustar o aquecimento. A minha cabeça está voltada para repetir os ótimos saltos que fiz nos treinos, tentar ao máximo não errar nenhuma tentativa e, se eu precisar me adaptar, que eu consiga o mais rápido possível”, encerrou.

  • thiago braz
  • salto com vara
  • app
  • esportes
  • olimpíada
  • tóquio